NOTÍCIAS

Arquidioceses se mobilizam para Dia Mundial dos Pobres

17/11/2017
Da Redação| Portal Canção Nova
Foto: Divulgação
 
O Dia Mundial dos Pobres, será celebrado neste domingo, 19, pela primeira vez. A data instituída pelo Papa Francisco na conclusão do Jubileu da Misericórdia terá como tema “Não amemos com palavras, mas com obras”. Este será um dia em que o Papa convida todos a refletir acerca da partilha com os mais necessitados como sinal de fraternidade.

No Vaticano, haverá uma Missa com o Papa Francisco que deve reunir quatro mil pessoas necessitadas. Após a celebração, 1500 delas serão recebidas na Sala Paulo VI para um almoço com o Papa. Para as demais, também será oferecido um almoço em vários colégios católicos de Roma. Além disso, várias iniciativas estão em curso desde o início da semana, como um posto de atendimento de saúde gratuito.

No Brasil, as arquidioceses também estão atentas a este dia especial e programaram eventos específicos para lembrar a data. A arquidiocese de São Paulo, por exemplo, nesta sexta-feira, 18, realizará um trabalho junto aos moradores de rua, oferecendo cortes de cabelo e barba, além de momentos de louvor e adoração. À tarde, haverá uma procissão com a Imagem de Nossa Senhora Aparecida e, às 22h, uma Missa presidida pelo padre Julio Lancelotti.

No sábado, 19, a arquidiocese paulista preparará logo cedo, às 8h, um café da manhã especial aos fiéis e, às 11h, uma Missa para celebrar o Dia Mundial dos Pobres.

Já a arquidiocese de Belo Horizonte organizou para esta quinta-feira, 16, um mutirão dedicado aos mais pobres com orientações jurídicas e ações psicossociais. O trabalho foi feito em parceria com a Defensoria Pública. Na quarta-feira, 15, houve uma celebração eucarística no Santuário Nossa Senhora da Conceição. Por fim, no domingo, 19, haverá uma peregrinação da Pastoral de Rua ao Santuário Nossa Senhora da Piedade ? Padroeira de Minas Gerais. O arcebispo, Dom Walmor Oliveira de Azevedo, celebrará uma missa às 8h, na Ermida da Padroeira, junto às pessoas em situação de rua que são acompanhadas pela pastoral.